Iluminação pública com LED e painéis solares na África




Meses atrás eu comentei sobre um sistema de iluminação pública criada pela Phillips que dispensava o uso de postes. Eram cabos que tinham LEDs espaçados que eram responsáveis pela iluminação. A idéia não era nova, mas aplicar os dois é uma grande sacada.

Agora a Phillips volta ao meu radar por conta da óbvia implementação de postes de iluminação pública que combina LEDs e painéis solares. Talvez a noticia passaria desapercebida se não fosse o local onde ela foi implementada. No Quênia!

Este tipo de solução sempre foi a desejada por todos, mas por conta do alto custo dos painéis solares e baterias necessárias por conta das lâmpadas que eram usadas antes, nada poderia ser feito sem gastar muito dinheiro. LEDs consomem bem menos e podem ser usados em larga escala com iluminação bem compatível com as lâmpadas existentes no mercado. Isto quer dizer que o não é mais necessário ter painéis super eficientes (que quer dizer que eles são mais baratos) e também as baterias podem ser menores, reduzindo os custos de implantação.

NewImage

O tempo de vida dos LEDs é entre 50 e 100 mil horas de uso. Leia mais a respeito no Gizmag.




Leia Também


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>