100 Petabits/segundo kilometro




Bell Labs quebrou um recorde esta semana. A velocidade atingida para transferir o equivalente a 400 DVD a uma distancia de 7 mil quilometros. O feito foi conseguido na França e utilizou 155 lasers funcionando em frequencias diferentes, cada um capaz de transmitir 100 Gigabits / segundos.

A conta porém é mais complexa do que qualquer cliente de banda larga pode imaginar. Em tese a velocidade máxima seria de 15.5Tbit/s, mas a métrica para mediar velocidade para cabos realmente grandes é velocidade x km, pois isto é 15.5 x 7000 km, o que dá o valor absurdo de 100 petabits/s.km.

Claro que o cabo não tem 7 mil km. O cabo tem repetidores a cada 90 km, que ao contrário do que você pensa é 20% maior do que os cabos atuais tem. Eu ia dizer que os repetidores ficam mais próximos uns dos outros, mas eles ficam mais distantes.

Mais detalhes técnicos podem ser encontrados no Physorg. Eu fico aqui imaginando: 15.5 Terabits/s?? Como pode existir tamanha velocidade para transmissão de dados, se minha operadora de telefonia fixo é incapaz de me oferecer banda larga maior do que 1 Mbps? GVT, vem pra cá! Me oferece banda larga de 10Mbps!!!

Via Engadget.




Artigo Anterior
Próximo Artigo

Leia Também


Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: