AirPort Extreme Base Station with Gigabit Ethernet




Além de bonitinho este roteador sem fio da Apple tem uma coisa interessante. Porta USB. E você sabe o que dá para enfiar neste buraco? Sem pensamentos impuros, por favor. O pomar (metáfora para a empresa Apple que eu passei a usar!) é feito de produtos de familia.

Dá para enfiar exatamente o que você pensou. Um HD Externo. Eu achei a idéia ótima. Com isto posso usar meus HDs externos sem problema algum para armazenar os dados mais importantes sem precisar espetar sempre no notebook. De qualquer lugar da casa, consigo acessar sem problemas via wireless. Ainda mais usando a rede 802.11n que é rápida até dizer chega.

Porém, nem tudo são flores neste roteador. Ele é bem mais caro do que seus concorrentes e além disto tem outros problemas. O suporte para o HD Externo via USB não funciona muito bem e algo que realmente me incomodou é a necessidade de se instalar um software para realizar a administração do roteador. Por que não usar uma interface web de administração como todos fazem?

Quer saber mais coisa ruim? Como um roteador 802.11b/g utilizando a frequencia de 2.4GHz ele consegue ser pior do que seus concorrentes. Porém na rede 802.11n usando seus esplendorosos 5.0GHz a coisa é diferente e funciona perfeitamente. Pelo menos é o que diz a avaliação que eu li.

Vale lembrar uma coisa. O padrão 802.11n ainda não está totalmente fechado, então alguns produtos podem ser incompatíveis entre si.




Leia Também


Deixe um comentário

2 Comentários

  1. Fazia tempo que eu procurava por alguém que usou essa coisinha do Pomar (adorei o termo) aí… Pensei muito em comprar um, mas não achava ninguém (das terras brasileiras) com uma opinião a respeito… Gostei da idéia da USB, quem sabe pras compras futuras 😉

    Responder
  2. Eu fiquei hororizado pelo preço desta coisa aqui no Brasil. 799 minhaus! Decididamente está maçã é um fruto proibido. Nem vou dar atenção à serpente.

    Responder

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: