Apps bloqueados pela Apple




Alguns dias atrás eu recebi um questionamento pelo twitter sobre se vale a pena fazer o jailbreak do iPhone por conta do iBlacklist, um app feito para bloquear ligações de números indesejados. Eu naturalmente respondi que nada vale a pena o jailbreak. O risco de segurança para os dados do espertofone com jailbreak é simplesmente grande demais.

Logo passei a pesquisar a respeito para encontrar uma alternativa ao iBlacklist que não precisasse o desbloqueio (eu sei que estou empregando o termo “desbloqueio” de maneira errada), porém não encontrei um único app que oferecesse este tipo de funcionalidade. Durante as pesquisas entendi o porquê. Parece que o bloqueio de ligações é uma das coisas que um app não pode fazer e por isto, apps deste tipo são travados na origem. Eles jamais chegarão a desfrutar da possibilidade de ver a luz dos visitantes clicando na AppStore.

Este porém não é a única coisa que a Apple bloqueia. Em 8 de abril a Apple mostrou um pouco do que será a versão 4.0 do iPhone OS e claro que as novidades são muitas e além das funcionalidades as regras de desenvolvimento também foram alteradas. No documento diz que Apps precisam ser desenvolvidos na linguagem nativa do iPhone OS SDK utilizando as APIs documentadas. Isto quer dizer que a solução criada pela Adobe para que desenvolvedores de Flash pudessem criar seu App em Flash e depois exportar um programa para iPhone foi por água abaixo. Leia dois artigos a respeito no Daring Fire Ball aqui e aqui.

Existem alguns blogs que fazem uma lista de apps que são bloqueados pela Apple e um delesse chama Nearly Banned Apps.




Próximo Artigo

Leia Também


Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: