E o seu salário?




Salário parece um assunto tabu. Mesmo entre amigos, parece que ninguém quer dizer o quanto ganha. Os motivos são variados, o mais comum é vergonha e evitar inveja dos amigos e companheiros. Porém é mais do que comum estar insatisfeito com o salário que se recebe. Já conversei com muito gente e a maioria reclama que o salário que entra todo final de mes (em alguns casos é felicidade quando entra no dia certo) não é compatível com o nível de stress e trabalho que é dedicado à empresa para qual meus interlocutores trabalham.

Como este assunto é delicado e são poucas as pessoas que se sentem à vontade de conversar a respeito de salários, tem muita gente que utiliza o caderno de empregos dos jornais ou sites especializados como Catho e similares para buscar o nível do salário para a sua função. As vezes isto funciona as vezes não. Eu descobri esta semana um site que se chama glassdoor.com. O que ele faz? Ele é um site de empregados para empregados, onde cada um pode informar o seu cargo, empresa e salário para que outros saibam como é a grama do vizinho, que costuma ser mais verde sempre. O barato é que o site não requer identificação. É totalmente anônimo.

A pegadinha é que para ver o conteúdo do site, você precisa informar o seu salário. Como o site é voltado para os que falam inglês, o conteúdo do Brasil ainda é pequeno. Estão listados no site 626 salários de 275 empresas. Confira aqui.

Com o site e com o conteúdo em franco crescimento, você vai poder reclamar com mais propriedade com seu chefe ou parar de reclamar. Lembrando é claro que você é livre para fazer o que quiser. Mudar de emprego depende apenas de você.




Leia Também


Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: