E os televisores 3D? Já tem modelos no mercado, sabia?




E aí? A copa do mundo iria trazer o 3D, algumas pessoas conseguiram ver o espetáculo da pelota sul africana com a esplendida vitória da Espanha nos cinemas em 3D, mas e os televisores? Que fim levaram? Não era para um pouco antes da copa surgirem os primeiros modelos? A tal da pré-venda não sacudiu ninguém?

Semana passada recebi um email do Submarino informando a disponibilidade de um televisor de Plasma (ECA!) da Samsung de 50″ com suporte à 3D. O preço deve ser algo de outro mundo, não? Nem tanto. Pode ser seu por apenas seis mil e poucos reais.

O modelo em questão tem 600 Hz de taxa de atualização e o tal do DLNA que permite acessar algum conteúdo de internet diretamente no televisor sem precisar de computador. Ele faz parte da série 7000 e por tanto ele tem uma entrada USB onde você pode colocar um pendrive com filmes para assistir ou músicas para escutar, mas mais importante é que o televisor tem o suporte para 3D. Os óculos abaixo são os que deveriam acompanhar o televisor. Eles são óculos ativos e não passivos como são os do cinema de sua cidade. Existem dois modelos. Um com bateria e outro a pilha. Isto quer dizer que num a bateria é interna e não deve ser fácil de trocar, já o outro deve utilizar pilhas comuns de supermercado.

Acontece que na página de informações técnicas sobre o modelo PL50C7000, que deveria ser o modelo que o submarino está vendendo, diz que os óculos não vem com o aparelho. Uma pena. Aliás, lendo a página, você vai ver que o televisor consome 420W. Outro televisor de 46″ do mesmo fabricante da mesma série 7000, mas de LED e LCD consome apenas 170W. Eu realmente não gosto de televisores de Plasma. Aliás, a Samsung tem modelos com suporte ao 3D em LCD, LED e Plasma, basta escolher o que você mais gostar! 😉

O televisor é trinorma, o que quer dizer que ele aceita sinais em NTSC M, PAL M e PAL N. Além destes 3 padrões de TV analógica (hum…) o televisor conta ainda com o conversor/sintonizador de TV digital no padrão brasileiro.

Se você está em dúvida sobre a compra de televisor em 3D, leia a crítica que fiz e maio quando foram anunciados os primeiros televisores no mercado brasileiro.




Leia Também


Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: