E se algoritmos de “sort” produzissem som?




Seria algo grotesco como o resultado do vídeo baixo. Tem “q” techno, não tem? Não, ok… deixa pra lá.

Via JWZ.




Leia Também


Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: