Google já não é mais a mesma…




Se tempos atrás a Google era admirada por sua capacidade de inovação e transformação, agora sua majestade está em check. Enquanto ela crescia e fazia frente aos principais players de mercado com quem ela disputa espaço, todo mundo resolvia babar seu ovo. Porém agora é diferente. A Google é uma gigante e uma máquina de fazer dinheiro. Por mais que ela tenha diversas preocupações em relação a privacidade e a sustentabilidade, sua ações e produtos vem pagando alguns micos.

A última foi uma falha de segurança que ainda é obscura, mas foi explorada em forma de conceito por um jovem da Armênia de 21 anos. Ele montou uma página no Blogger e se você visitasse a página, recebia um email falso. Mesmo se você acessasse a página utilizando o INCOGNITO mode que todos os navegadores hoje em dia tem e também é chamado de navegação anônima, seria vítima da falha.

Isto prova que é possível catar informações de um navegador e utilizar da maneira que quiser, coisa que todo SPAMMER gostaria de poder fazer. Aliás, sobre a falha em si sabe-se muito pouco. Uma coisa porém é certa. Não dá para confiar em ninguém. A Google disse ter descoberto a causa da falha e ter consertado. Era uma API do Google Apps, mas ainda assim, isto demonstra que ainda que os testes de segurança sejam feitos, sempre existe alguma brecha que faz com que alguma falha ainda persista.

Por estes e outros motivos que eu parei de usar webmail. Voltei a usar um cliente e acesso minhas mensagens via IMAP, assim, tenho a visão correta onde eu for. Em casa uso o Mail do OS X e fora dela fico no iPhone.

A Google pode ser bem intencionada, mas seu foco já não é mais o mesmo. Ela quer ser toda poderosa assim como a Microsoft foi nas décadas passadas. Creio que seja hora da FTC entrar na parada e quebrar a Google em baby-googles como a FCC fez com a AT&T no passado.

Via Techcrunch.




Leia Também


Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: