IBM promove 1º Concurso de desenvolvimento de aplicações para Mainframes




Com o objetivo de contribuir com a formação profissional de estudantes que desejam ingressar na área de Tecnologia, a IBM realiza o 1º Concurso de desenvolvimento de aplicações para Mainframes. A iniciativa é voltada a estudantes de todo o Brasil – não é preciso ter conhecimento técnico na plataforma, mas é necessário cursar o Ensino Técnico ou Superior e ter mais de 18 anos.

O concurso de desenvolvimento de aplicações é uma extensão do tradicional Concurso de Mainframe da IBM, porém com uma nova proposta. Desta vez, o participante deverá criar uma aplicação para uso na plataforma Mainframe que traga benefícios reais para a sociedade. Hoje, os softwares estão presentes em praticamente todos os dispositivos eletrônicos e computacionais e exercem um papel fundamental em seu funcionamento, que vai desde um aparelho de medir pressão até o trabalho de monitoramento de rodovias. Por meio do uso de softwares, um sistema inteligente de semáforos, por exemplo, pode reduzir consideravelmente o trânsito de uma grande cidade.

Os interessados devem se inscrever, até o dia 20 de março, pelo site. Os participantes serão julgados quanto à complexidade, funcionalidade e usabilidade das aplicações propostas. O processo de avaliação levará em conta os seguintes critérios: objetividade da documentação, entendimento técnico e utilidade real da aplicação de acordo com os benefícios propostos. Os melhores projetos serão selecionados baseados nas ideias que utilizarem, da melhor forma, as ferramentas IBM em aplicativos inovadores. Os trabalhos deverão conter pelo menos um componente do software middleware da família IBM Rational – existe uma versão gratuita do IBM Rational EGL Community Edition que pode ser baixada aqui.

O primeiro colocado do concurso ganhará dois notebooks Lenovo. O segundo melhor projeto receberá dois aparelhos GPS e o terceiro colocado ganhará dois MP3 Players. Os vencedores serão anunciados no dia 30 de março.

A IBM Brasil tem investido cada vez mais na capacitação de profissionais na plataforma Mainframe. O concurso de Mainframe para estudantes faz parte do programa System z Academic Initiative, que possui parceria com mais de 600 escolas em todo o mundo e já atingiu mais de 800.000 estudantes em 61 países. No Brasil, a IBM tem parceria com o Centro Paula Souza, FIAP e mais de 40 instituições somente com a plataforma mainframe.

Em 2008, o País treinou mais de 1200 alunos na plataforma Mainframe. No total, a empresa soma mais de 2500 alunos e 48 professores capacitados, dos quais 10% foram aproveitados pela IBM ou empresas parceiras. Com isso, o Brasil se torna o segundo país no mundo com maior número de escolas e pessoas capacitadas em mainframe.




Leia Também


Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: