Intel e Nokia fazem fusão de plataformas de softwares para aparelhos de computação




Intel Corporation e Nokia anunciam que estão incorporando os sistemas Moblin e Maemo. A fusão cria uma plataforma unificada baseada em Linux, denominada MeeGo, que rodará em uma ampla gama de aparelhos móveis, dos celulares aos sistemas embarcados, passando pelos tablets, PDAs, MIDs (Musical Instrument Digital Interface), TVs digitais e netbooks. A previsão é que os dispositivos com MeeGo da Nokia e de outros fabricantes, clientes da Intel, sejam lançados no final do ano.

O acordo fortalece o relacionamento entre Nokia e Intel, resultado de uma ampla colaboração estratégica das duas companhias desde junho de 2009. As duas empresas querem agora que as comunidades de desenvolvedores de Maemo e Moblin dos segmentos de computação e comunicações se envolvam com MeeGo

“Em nossa visão, a comunicação entre dispositivos de computação – de bolso, para residências, veiculares ou de escritório – está hoje avançando uma etapa com a introdução da plataforma MeeGo,” diz Paul Otellini, CEO da Intel. “Trata-se de um passo importante em nossa dinâmica relação com a Nokia. A fusão destes dois importantes ativos numa plataforma de fonte aberta é crucial na oferta de uma extraordinária experiência em diversos dispositivos e para conquistar apoio em toda a indústria ”, completa.

MeeGo impulsionará uma gama ainda mais ampla de experiências de comunicação, de computação e internet aos consumidores, em novos tipos de aparelhos móveis”, afirma Olli-Pekka Kallasvuo, CEO da Nokia. “A partir da inovação aberta, MeeGo criará um ecossistema que não se compara com qualquer outro e conta com participantes de indústrias diversificadas. Ela será compatível com uma variada gama de modelos de negócios, desenvolvendo-se a partir da experiência e conhecimento da Nokia, Intel e daqueles que se unirão a nós. Simplificando, a plataforma representa uma nova era de computação móvel”, acrescenta.

MeeGo combina o melhor dos dois softwares, Maemo e Moblin, criando uma plataforma aberta para múltiplas arquiteturas de processadores. MeeGo reúne as capacidades de Moblin, e seu suporte para uma ampla gama de tipos de dispositivos, e a força do Maemo na indústria móvel, bem como o já bastante adotado aplicativo Qt e da estrutura de interface do usuário para desenvolvedores de softwares.

O novo sistema une também os robustos ecossistemas globais de aplicações Maemo e Moblin e das comunidades de código de fonte aberta. Para o benefício dos desenvolvedores, MeeGo estende a gama de segmentos de dispositivos desejados. Utilizando Qt para desenvolvimento de aplicativos, os desenvolvedores poderão gravar aplicativos uma única vez e facilmente adotá-los em MeeGo e em outras plataformas, por exemplo, em Symbian.

Ovi Store será o canal para de comercialização dos aplicativos e conteúdos para os aparelhos Nokia, incluindo aqueles baseados em MeeGo e Symbian, com o Fórum Nokia provendo apoio aos desenvolvedores em todas as plataformas dos aparelhos Nokia. O Intel AppUpSM Center será o caminho para dispositivos MeeGo baseados em Intel e elaborados por outros fabricantes, com o suporte do Programa de Desenvolvedor Intel® Atom™.

A plataforma de software MeeGo, sendo executada em dispositivos de alto desempenho, entregará uma gama de experiências de comunicação, computação e internet, com gráficos visualmente ricos, capacidades para múltiplas tarefas e de multimídia e o melhor desempenho. Os usuários poderão conservar seus aplicativos favoritos, inclusive, quando trocarem de aparelhos.




Artigo Anterior
Próximo Artigo

Leia Também


Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: