iPhone vs G1




O G1 foi um projeto de 5 anos. O iPhone, só Steve Jobs para contar. O iPhone levou quase 1 ano para aprender outros idiomas que não o inglês e outras línguas de grandes países da Europa. Já o G1 levará pelo menos mais 6 meses para que deixe de falar apenas o Inglês. O iPhone é chamado de iPhone pelo seu fabricante e pela operadora, já o G1 é chamado assim pela T-Mobile e o fabricante chama de Dream. Eu prefiro o nome da T-Mobile.

Depois de achar algumas destas comparações, resolvi ir na fonte de Smartphones para descobrir algo mais relevante, mas não sei se a Bia parece não ter tocado no assunto em seu blog. 🙁 Neste meio tempo, resolvi fazer a comparação física entre os dois. A comparação está na imagem abaixo.


Além destes dados pude entender através de alguns artigos que o iPhone segue a estratégia de ter controle rígido sobre o que roda em seu hardware. Foi assim com o OS X nos desktops e notebooks da Apple e no iTunes com o iPod. Mundo fechado e controlado pela Apple. Já o G1 adota a estratégia da Microsoft nos anos 80. Eles funcionam em qualquer hardware, de qualquer fabricante. O Android é totalmente aberto. Qualquer um pode modificá-lo e qualquer um pode criar uma aplicação para ele. Do jeito que quiser.

Se de um lado isto é bom, pode ser que não seja. Quando as coisas são muito abertas, não há guias a serem seguidas e a unidade visual, ou melhor, identidade visual se perde. Cada um resolve os seus problemas de um jeito. O que acaba acontecendo? Bagunça. A Apple combate este tipo de problema com mão de ferro sobre as aplicações que ficam disponíveis na App Store. No Marketplace do Android deve existir um grande pandemônio de aplicações.

Dificil de determinar quem sai vitorioso do embate, mas a Apple sendo a Apple, consegue se manter não importa o que aconteça. Ela foi a primeira a revolucionar o mercado de smartphones com um equipamento realmente inovador. Ele pode não ser o melhor em todas as características técnicas, mas certamente tem um ótimo caminho de evolução pela frente. Já o G1 tem o papel de desafiar ou acompanhar o iPhone. Se ele vai conseguir fazê-lo, dependerá do que irá acontecer nos próximo 6 meses.

Veja o vídeo comparativo dos dois lado a lado.




Leia Também


Deixe um comentário

2 Comentários

  1. Apoena

     /  09/06/2009

    Cadê a comparaçao ?
    Qual a velocidade do processador de cada um?

    Responder
  1. Suruba Links da Sexta 2

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: