Leitor RSS: Alesti




Quarta-feira vi algo novo nos logs de acesso aqui do bernabauer.com. Um visitante veio de um domínio chamado Alesti.org. Fui la ver e notei que era um leitor RSS. Achei ele meio estranhão. Eu gostava do Google Reader, depois fui para o bloglines por causa do Leo Faoro e estou nele até hoje, mas este novo Alesti não me agrada. O Mauricio gosta, vou ver o site melhor no final de semana para reavaliar…




Artigo Anterior
Próximo Artigo

Leia Também


Deixe um comentário

3 Comentários

  1. Provavelmente, fui eu ;).

    Eu utilizo o Alesti, como leitor de RSS e acesso os blogs que leio a partir dele.

    Achei interessante, apesar de não ter recursos mirabolantes, é bem simples e lembra um aplicativo desktop.

    Só não gostei de duas coisas, nele:
    – Não tem botão de refresh, o que atrapalha um pouco.
    – Não tem um JS igual ao do bloglines para exibir as assinaturas, o que faz com que eu tenha que ficar atualizando os sites que leio em 2 lugares (lá e no meu blog).

    Eu usava o bloglines, até que foi bloqueado no proxy do trabalho ai passei parar o Google Reader, mas não gostei muito e apresenta erros com frequencia, testei o News Alloy, muito interessante, mas achei muito poluido.

    Enfim, estou usando este por enquanto, mas ainda não é o ideal, continuo a minha busca 🙂

    Abraço

    Responder
  2. O que o Bruno falou é muito verdade.
    A falta de um botão refresh atrapalha pacas.
    Eu gostei mesmo é da interface, parecida com o software que eu usava, o Sharp Reader. Talvez tenha sido pela interface a que eu não estava acostumado que não consegui usar o Bloglines (se tanta gente usa, bom ele é).
    A partir de agora voce vai ter outro visitante pelo Alesti, já assinei seu feed. 😀

    Abraços

    Responder
  3. eu bem que tentei usar o alesti, mas ainda não consegui superar a dependencia do bloglines. Semana passada eu finalmente consegui arrumar minhas assinaturas e agora estou lendo o blog de vocês via RSS também.

    Responder

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: