Microsoft Mediaroom




Não, não bonitão. Isso não é uma sala que a microsoft criou para a imprensa em geral. É a aposta da microsoft para o futuro da TV. Todos nós estamos vendo que a TV está deixando de ser aquele equipamento que é capaz apenas de entregar conteúdo vindo pelo ar ou cabo. A TV está passando a ser um monitor onde qualquer conteúdo pode chegar. É uma nova janela para o maravilhoso mundo do conteúdo e não mais de canais de TV.

Longe de ser apenas uma aposta o Microsoft Mediaroom é uma realidade AGORA. Bonitão, novamente você se engana se achas que isto está restrito a uma cidade qualquer no território dos E. U. da A.. Segundo o site da Microsoft para este “produto” existem 17 países onde você pode usufruir desta maravilha. Entre os países que me surpreenderam na lista estão China, Hungria, África do Sul, índia e Taiwan. Nada de Brasil.

O detalhe que você pode não estar se dando conta é que a Microsoft oferece o Mediaroom através de empresas de Telecom e não de TV a Cabo. Pelas empresas que eu identifiquei pelo menos, são todas de Telecom, então se você espera ver este produto através da Sky ou NET, esquece. Está mais para Telemar e Telefónica do que para outra coisa qualquer.

Veja a propaganda que explica mais ou menos o Mediaroom.

Se isto não fosse suficiente, o blog Fundamental ainda anuncia que a gente será agraciado pelo eonde, que é uma loja iTunes para ser acessada através da TV. Possivelmente será necessário um PC com manda larga para aproveitar este esquema que permite download de filmes através de compra ou aluguel.

Voltando ao Mediaroom. Não entendi por que o TNow diz que isto só decola após a TV Digital entrar nos eixos. Acho que uma coisa não tem nada a ver com a outra. Ainda mais pelo modelo de negócio. Aqui no Brasil esta fantástica criação da Microsoft só funcionará se a ANATEL liberar as teles para transmissão de serviços televisivos. Afinal, isto é concorrência direta com SKY, NET e TVA.




Leia Também


Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: