Nokia apresenta o Nokia Point & Find




A Nokia apresentou hoje um inovador serviço que possibilita às pessoas acessarem informações na Internet simplesmente apontando seus telefones móveis com câmera para objetos da vida real. Uma versão beta do Nokia Point & Find, com foco em filmes, já está disponível no Reino Unido e nos EUA e irá se expandir para outros países e áreas de atuação em breve.

“Com o Nokia Point & Find, as empresas podem dirigir seus esforços em experiências envolventes e palavras de incitação à ação para os consumidores. Este primeiro serviço baseado no Nokia Point & Find para filmes acrescentará algo especial para a experiência com cinemas. O simples fato de apontar a câmera do telefone para o cartaz de um filme novo pode dar às pessoas a possibilidade de assistir ao trailer, ler críticas e descobrir o cinema mais próximo que o está exibindo”, diz Philipp Schloter, gerente geral do Nokia Point & Find.

O serviço utiliza tecnologias avançadas de processamento e reconhecimento de imagens em tempo real para vincular o usuário a conteúdos e serviços digitais. Ele reconhece também códigos de barra, integra tecnologia de posicionamento GPS e aceita pesquisa de digitação de texto específico por categoria. Quando o telefone for apontado para um objeto, o Nokia Point & Find utiliza uma variedade de capacidades do telefone, incluindo a câmera, a conectividade com a Internet e o posicionamento GPS, para avaliar o objeto. Posteriormente, ao pesquisar rapidamente um banco de dados de itens identificado virtualmente, o sistema identifica o objeto e retorna um conjunto de links para o consumidor.

O Nokia Point & Find é uma plataforma aberta e outras empresas podem criar experiências customizadas e inovadoras para incentivar um envolvimento aprimorado com clientes em potencial. A Nokia convida essas empresas, provedores de conteúdo e agências para discutir como o serviço Nokia Point & Find poderá ajudá-los com aplicativos, campanhas ou atividades promocionais específicas.

Algumas companhias já reconheceram o potencial do Nokia Point & Find em suas campanhas. Casey Harwood, vice-presidente sênior de mídia digital da Turner Europa afirma: “O Nokia Point & Find é um novo e inovador serviço que habilitará os usuários a apontarem seus telefones com câmera em vários objetos relacionados ao Cartoon Network e receberem informações relevantes sobre o produto ou apresentação diretamente em seus telefones. Em um mundo de serviços customizados, esta tecnologia representa um desenvolvimento estimulante tanto para provedores, como para os consumidores”.

Outro exemplo acontece com a empresa Body WorldS. “A Body Worlds atrai pessoas curiosas e aventureiras de todas as idades. Consideramos o serviço Nokia Point & Find como uma nova e intrigante maneira para as pessoas descobrirem sobre o Body Worlds and The Mirror of Time no O2. Integrando essa tecnologia com a nossa propaganda em cartazes de Londres, criamos não apenas outra promoção especial, mas uma chance para experimentar algo bastante inovador”, disse Nicky Hewgill, gerente de marketing da Body Worlds em Londres.

Empresas interessadas em utilizar o Nokia Point & Find em suas campanhas podem visitar http://pointandfind.nokia.com para informações adicionais. A divulgação beta do Nokia Point & Find está disponível para download em dispositivos móveis selecionados no Reino Unido e nos EUA também em http://pointandfind.nokia.com.




Leia Também


Deixe um comentário

2 Comentários

  1. Me ocorreu uma coisa agora: será que a tecnologia de reconhecimento de imagens está tão avançada assim? Se o software realmente funcionar bem desse jeito aqueles captchas baseados em imagens (e provavelmente os de texto) estão com os dias contados já.

    Responder
    • Uma coisa é identificar uma imagem e comparar com uma base, digamos assim, conhecida. É “fácil” criar um hash de uma imagem e comparar aos hash de posters já existentes. Outra coisa é fazer um OCR de uma imagem com texto como você descreveu. Apesar de não gostar de captchas, acho que esta tecnologia ainda está com alguns meses de vida pela frente, para não dizer anos.

      Responder

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: