Programa de afiliados Hi-midia




Os programas de afiliados nacionais estão se mexendo. Provavelmente estão se adiantando para não perder terreno para o Projeto Panama da Yahoo e fazer frente ao Adsense.

Primeiro foi o Hotwords que alterou seu sistema para permitir que um cadastro tenha vários sites atrelados à ele. Em seguida veio o programa de afiliados do UOL, que tem a mesma funcionalidade, imita o Adsense na cara dura, mas precisa ainda evoluir e combater os espaços vazios quando não há publicidade para ser mostrada.

Semana passada foi a vez do programa de afiliados do BuscaPé sofrer upgrade para melhor, mas sem avisar que as coisas iam ficar feias antes de ficarem novas. Sem aviso algum, os afiliados perderam acesso ao sistema e foram forçados a criar novo login sem saber o por quê. Ainda bem que agora a novidade do sistema deles é ter um cadastro apenas para vários sites. Aliás, os rendimentos do mês passado estavam todos cagados por causa do horário de verão. Após o acerto vi muito cliques premium a mais.

O Afiliados do Submarino não fez nada de novo, mas continua pagando bem e em dia.

Toda esta introdução é apenas para relatar como estão os principais programas de monetização, já que o JaCotei não dá muito certo, o Mercado Sócios é bem legal, mas o atendimento é uma merda federal. Para você ter uma idéia, estou esperando a mais de 4 meses uma senha que leva apenas alguns dias para ser criadas. O programa de afiliados da Dell, apesar de ter um bando de banners legais, não vende, pelo menos pra mim e o midiakit está no mesmo barco do Jacotei.

Um belo dia, desgostoso da vida, recebo um doce convite no meu email de contato do blog. Era um SPAM para participar de um programa de monetização francês que abriu aqui no Brasil, se eu não me engano no ano passado. Posso estar falando besteira, mas acho que é isso. Eu lembro de ter lido sobre este programa e achei muito estranho. Acabei deixando de lado. Este ano, resolvi me inscrever e testar.

O programa se chama Hi-Midia e tem apenas banners, mas são várias remunerações diferentes. Eles tem o CPC, que paga por clique, CPL, que paga uma comissão se uma venda for efetuada a partir de um clique no seu site e o tão desejado CPM, que paga apenas por exibir o banner.

Ainda não recebi nenhum pagamento deste programa, mas os anunciantes parecem ter peso e passam confiabilidade a Hi-midia. Dois anunciantes bem conhecidos são a FNAC e o Shopping UOL.

Se você quer saber quais são os banners gerados pelo Hi-midia, basta visitar o caracamaluco.com, pois lá todos os banners são deste programa. Aqui no bernabauer.com os banners do Hi-midia estão no topo do blog, ocupando o espaço dos banners do Submarino 728×90 e compartilhando a rotação de anúncios com o Mercado Livre.




Próximo Artigo

Leia Também


Deixe um comentário

4 Comentários

  1. régis andáku

     /  08/03/2007

    Caríssimo Bernabauer,

    tudo bem?

    Trabalho para o UOL e sou um dos responsáveis pelo programa de afiliados. Estou no UOL há nove anos, quase três à frente da área de parcerias de conteúdo. Agora também atuando na implantação da divisão de afiliados.

    Aprecio muito o seu trabalho de apuração, crítica e informação ao grande público. Como jornalista (essa é minha formação), acho esse trabalho essencial e de grande importância.

    Também por isso, gostaria de te convidar para uma conversa em que gostaria de passar informações que talvez possam ser úteis para você e seu público. Nâo sei se você fica em São Paulo (eu fico), mas independentemente do lugar em que está, fica o convite.

    Agradeço sua atenção e deixo um abraço sincero.
    régis

    Responder
  2. Opa! Aceito o convite sim! 😉

    Responder
  3. ola vi que v nao trabalha com adsense no seu blog, quais os melhores programas de afiliados foa o adsense que vc recomendaria ? grato joao marcelo

    Responder
  4. Depende do conteúdo de cada blog. Porém boas alternativas ao adsense são o UOL Afiliados, Hotwords, Mercado Livre e Submarino.

    Responder

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: