Revelação de fotos digitais




Revelar fotos é uma coisa do tempo do rolo de filme, do tempo de antes das cameras digitais. Agora com câmeras que utilizam cartões de memória, pra que filme? Quando o cartão enche, você não precisa mais levar suas fotos para serem reveladas. Até pode, mas o processo está mais para impressão do que revelação.

Você pode não saber, mas na época do filme de rolo, as fotos precisavam passar por um processo químico para que fossem reveladas. Era um processo demorado que poderia levar dias e que com o passar dos anos, se aprimorou, tomou um banho de tecnologia durante a década de 80 e 90 e passou a levar menos de 45 minutos, tudo numa única máquina que revelava o negativo e colocava as fotos num papel brilhante e legal de se ver, sem falar que era um ima para impressões digitais.

As máquinas ficaram sempre à vista de todos em lugar de destaque na loja de revelação, pelo menos nas mais badaladas. Antes ficavam em lugar escondido. Por conta do processo químico lembro que estas lojas tinham um cheiro característico. Eram tempos legais. Era comum as pessoas ficarem na frente da loja para ver as fotos serem reveladas, colocadas em papel e cortadas para depois colocar num álbum que vinha de brinde. Era curioso ver as fotos das outras pessoas e suas fotos constrangedoras.

Hoje a revelação é mais no sentido romântico da palavra, pois o processo é muito mais técnico e mundano que outrora. Você nem precisa mais ir numa loja para levar suas fotos. Pela internet você acaba resolvendo tudo. Existem diversos serviços disponíveis que oferecem coisas diversas, desde a impressão simples de fotos, até canecas personalizadas.

Abaixo listo alguns que são capazes de até mesmo importar suas fotos do Picasa ou do Facebook, se você tiver albuns de fotos por lá.




Próximo Artigo

Leia Também


Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: