Teorema de porta de banheiro




Banheiros normalmente tem poesias peludas escritas pelas paredes dos reservados onde você costuma usar a privada. Em faculdades mais cabeçudas as paredes naturalmente também são escritas, mas as barbaridades obscenas dão lugar a teoremas que são falhos, mas engraçados. Na imagem abaixo você vai ver a prova que estudar não leva a nada.

Pior foi que um segundo resolveu provar que o teorema estava errado e o primeiro volta para dizer que o odeia por provar que seu teorema é falso. #euri

Via hah.




Leia Também


Deixe um comentário

2 Comentários

  1. hehehe

    É como aquela piada do cara que estava no banheiro público, assentado na privada, dando aquela “relaxada”, quando resolve ler as poesias privadianas, e encontrou uma bem na parede a sua frete que tinha escrito em letras pequenas e diminuindo ainda mais enquanto ele lia, e na última frase quando ele não mais conseguia enxergar teve de ficar cara a cara com a parede e daí leu: “volta pra privada que cê tá cagando todo o banheiro imbecil!”

    hehehehe (sem graça… 😛 )

    Responder
  2. Tamki

     /  22/03/2012

    suhaushaushauhsuahsuah curioso… De que universidade/escola veio esse troço?

    Responder

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: