Time Capsule: Avaliação completa!




Meu Time Capsule chegou na semana passada. Primeiro eu achei que o Submarino me pegou alguma peça, afinal, eu tinha comprado o Time Capsule de 1TB, mas a caixa que veio era do tamanho do meu monitor de 19″ CRT. Simplesmente E-N-O-R-M-E! A caixa é nojenta a começar pelo logotipo submarinística e terminando para sua estrutura. Parece feita de papel e não papelão. Dentro da caixona, outra caixa. WTF? Pegadinha do malandro? Não. Esta caixa é melhor. De cor parda e com fita adesiva com logotipo do pomar. Esta sim. Finalmente! Será que é esta caixa? Não. Dentro desta caixa, veio outra. Esta era pior. Embalada com aquele plástico nojento que impede todos de escutarem o CD recém comprado. Feliz porém, por que esta é a caixa da Apple.

Parece um desperdício enorme de papel e papelão, né? Bom, de certa forma, fico feliz que ele veio bem protegido. Depois de abrir a caixa, que você pode ver aqui, me maravilhei. E já que o papo até agora é só de abertura de caixa, vou logo falar do que vem dentro do TC. TC é Time Capsule a partir de agora. O TC por dentro é supersimples. Um disco rígido da Hitachi e alguns CIs. That’s it.

Desde que tirei da caixa a criatura está ligada e por tanto venho usando a criatura com momentos felizes e outros não tão felizes. Colocar a criatura para funcionar foi fácil. Configurar o MBP para fazer backup via TimeMachine foi ridículo. Eu achei que teria rios de coisas para escrever, mas não. Não existe dificuldade para usar a coisa. Colocar a criatura na rede, configurar para autenticar com meu Modem ADSL, colocar segurança WPA2 e deixá-la escondida foi simples. Nada de me sentir perdido e clicando loucamente através dos menus como era com meu Linksys WRT54G.

É simplesmente fantástica a idéia da Apple de usar um software que acha o dispositivo e faz todas as configurações. Melhor é ela usar uma linguagem simples e não técnica o máximo possível. Para o usar o Linksys é quase necessário uma pós em redes. Eu adoro sopa de letrinha, mas cá entre nós, é um saco falar um dialeto com cada equipamento diferente.

Depois de fazer a configuração inicial, personalizar com configurações de NAT e restrição via MAC address e ainda mudança de escopo DHCP foi simples. Aliás, este foi o primeiro equipamento de rede doméstica que eu tenho que distribui IPs do maior para menor. Meu IP é cheio de noves agora. Kinda cool.

Perambulei por todas as opções do TC e após vasculhar tudo algumas dezenas de vezes posso dizer: É um saco ter que ver a criatura dar boot a cada alteração de configuração.

O TC tem uma porta USB, uma de WAN e ainda 3 outras para ethernet gigabit. A porta USB serve para duas coisas. A primeira e mais óbvia é para colocar uma impressora. Se você acha que vai poder colocar seu modem ADSL pela porta USB esqueça. A Apple montou até uma página para informar para que serve a porta USB. Além da impressora você pode colocar um HD. A porta não é alimentada então nem adianta espetar o iPod ou iPhone ali para carregar. Ah sim, além de um HD externo e de uma impressora, você pode colocar um HUB USB para colocar mais impressoras e HDs.

O TC tem SNMP, permite ser incluído no Workgroup para compartilhamento de disco e tem o WDS que tanto me interessa. WDS permite que um sinal de WiFi seja repetido por outro equipamento Wireless. O AirPort Express por exemplo serve para isto. Eu acho que não precisa explicação, mas a Apple montou uma ótima página de suporte que mostra como se monta uma rede wireless usando WDS.

Depois de tanto mexer com a criatura do pomar recém chegada, resolvi colocar novamente a mão no meu amado novo gadget. PQP! Eita coisa quente. O dito fica quente pacas. Talvez seja bom para usar no inverno para aquecer os pés. Certamente parte da culpa é do HD.

Outra. Na primeira foto, que tirei com o celular nojento e defeituoso que ainda habita o meu bolso, dá pra ver o TC entre o meu MBP e um gigantesco monitor de 19″. Atrás dele um modem ADSL. Dá pra notar claramente uma gigantesca luz verde. A Apple é sempre tão simples, por que ela resolveu colocar um LED tão grande e brilhante para a luz de status? Você pode ainda configurar para ela piscar quando tem atividade de rede ou deixá-la apenas ligada. Eu dou meu braço esquerdo para que a Apple inclua a opção de desligar a merda do LED. O TC está no meu quarto e com a luz apagada e configurado para piscar na atividade de rede o meu quarto passou a ser uma boate com luz stroboscópica (é assim?) verde. Não deu pra dormir, tive que voltar a configuração ALWAYS ON e colocar algo na frente para não me incomodar mais.

Por fim, minha maior decepção foi a maldita tomada. Eu comprei oficialmente aqui no Brasil, mas tenho um amigo cuja irmã mora na Inglaterra e o dele veio de lá. Nossas duas tomada são iguais. Eu adoraria que fosse a tomada de faquinha (como o da foto) e não esta de porco redondinha. Tive que usar um adaptador nojento para poder colocar o TC no nobreak. Pelo menos ele não vem com uma fonte externa. Aliás, eu quase violentei o buraco de energia do TC para enfiar o cabo que veio. Ô coisa dura de enfiar. E eu não sou o único.

Como o TC funciona com a rede 802.11n tratei de fazer meu notebook falar esta língua também. Achei que notaria grande diferença de velocidade, mas não notei. Como não tenho parâmetro para o antes, acho que está legal. Achei uma página que me diz quantos MB/s eu deveria estar fazendo em cada uma das especificações 802.11 e parece que tudo está correto. Atualmente estou copiando 56 GB de um HD externo ligado via porta USB no MBP e copiando para o TC via wireless. Meu “meter” está informando 3 MB/s. Culpa do USB? Era para estar perto dos 11MB/s, mas eu já consegui esta velocidade copiando outras coisas para o TC.

Resumindo o que eu falei sobre o TC e classificando em duas categorias:

Adorei

  • AirPort Utililty
  • Facilidade de configuração
  • Tamanho
  • Fonte interna

Não gostei

  • Luz de Status
  • Temperatura
  • Boot (do TC) para cada nova configuração
  • Preço
  • Tomada

Pode não parecer, mas eu adoro o meu TC e recomendo fortemente que você tenha o seu. Foi a melhor compra de 2008 pra mim.




Artigo Anterior

Leia Também


Deixe um comentário

14 Comentários

  1. Bom saber de tudo isso antes de comprar, mas só ano que vem… e depois do iMac! Sobre a tomada ser de “porquinho” e não de “faca” dever ser por causa da nova padronização de plugs de tomada brasileira que será lei, ou seja, só poderá ter no mercado aparelhos tipo “porquinho”.

    Responder
  2. Poderia ser, mas o padrão (novo) tem 3 pinos redondos, parecido com o padrão italiano, eu acho. Eu queria a faquinha. Meu mundo pela tomada de faquinha. Aliás, que nomes ridículos que eu usei para explicar, né? Ainda bem que deu pra entender.

    Responder
  3. Eu sempre fui fã desde o momento em que li o 1º artigo sobre ele. O problema é o preço, que é sempre salgado para nós. Mas aguardo anciosamente a oportunidade de comprar o meu.

    Responder
  4. Andre

     /  07/12/2008

    Olá, vc sabe onde encontro um tutorial completo de como configurar uma rede ou explicação detalhada sobre: NAT, DHCP, PPPoE, Mac Address, IPv4, etc.. Estou perdido.
    Comprei um Time Capsule também, ele está funcionando agora, porém se eu desligo e religo, minha internet pára de funcionar e tenho q resetar o modem. A rede continua ativa.
    Eu não entendo muito de rede/wi-fi e tenho medo de mexer e piorar as coisas.
    Minha senha do provedor ADSL, eu configuro no TC ou modem? Ele me pergunta se quero usar o PPPo3 ou DHCP. Como saber?
    Grato por qq ajuda!
    *estou tentando o google tb 😉

    Responder
  5. nossa! eu comprei um time capsule, mas ele tá encrencando com minha internet sem fio atual , eu queria ele apenas com HD EXTERNO fazendo backups de segurança dos meus 04 macs, quando ligo meu rotiador Tp-link o TC some, nossa! não sei o que fazer, tava querendo achar um daqueles tutoriais pra leigo como eu , se alguém encontrar por favor me avise

    Responder
  6. Clarissa Castagnino

     /  31/07/2010

    Muito legal sua avaliação… tenho um TC há tempos e hoje decidi fazer um backup. Mas o Time machine não reconhece o TC como disco de backup. Já tentei varias coisas e nada dá certo. O que eu faço?

    Responder
    • sidnei

       /  09/08/2010

      Clarissa boa noite;
      abra preferncias do time machine,e deverá aparecer seu tc,é só clicar na sua tc e selecioná-la como disco de backup.
      boa sorte.
      eu tenho uma tc 2tb ja tem uns 20 dias que comprei e até agora é só alegria……………………..hehe

      Responder
  7. Amigo, gostei do seu review.

    Você colocou o seu HD em qual formato?
    NTFS, FAT32, ou nos formatos da Apple?

    Qual formato você recomenda? Visto que lá em casa eu possuo 1 Mac e 1 PC. Preciso que seja compatível com PC também e de preferencia sem ter que instalar milhoes de plugins.

    Exemplo, meu MAC lê mas não escreve NTFS nem por reza brava, já usei mil plugins disponíveis na net, mas nada faz com que ele escreva em partições com NTFS. Ou isso é irrelevante por se tratar de uma comunicação via WIFI e o próprio TC é quem escreve no HD?

    Responder
    • O time capsule funciona como um NAS, então a sua formatação é irrelevante para o computador que o acessa. Uso ele com um PC e também com um Mac sem problemas.

      Responder
      • Então tanto meu PC quanto meu MAC vao ler/escrever normalmente no HD sem eu ter que mexer em nada referente a tipo de formatação ne?

        Mas e se eu quiser espetar algum HD externo meu ali?

        o NAS dele escreve/lê qualquer formato?

        Responder
        • Nunca espetei um HD externo nele, então não sei dizer. Sobre gravação a partir de pc ou mac, faço isto sempre.

          Responder
  8. Thaíssa

     /  19/05/2013

    Instalei o meu time capsule sem problemas, me decepcionei pois achei que o aparelho faria mais do que tenho visto efetivamente.
    Mas o pior é que ele parece ter tornado a minha internet pior, e todos os comentários antes de comprar é de que ele otimizava a rede. Certos sites eu simplesmente não consigo abrir, como o globo.com. Não sei se está faltando algo na minha configuração, e se o problema é meu e não do aparelho, já que não sou nenhuma expert.
    Podem me ajudar?

    Responder
    • Thaíssa, o que você esperava que o Time Capsule fizesse? Ele é apenas um router wireless com um disco interno para compartilhamento de arquivos e cópia de segurança de dados. Nunca ouvi falar sobre “otimização de rede” como uma funcionalidade do Time Capsule. Não tem por que ele bloquear apenas o acesso a um site como você relatou. O mais provável é que exista um problema no seu computador ou conexão de cabos errados no time capsule.

      Minha recomendação é você solicitar o atendimento de um técnico em sua casa, ou se o equipamento ainda estiver em garantia, tentar o 0800 da Apple.

      Responder
  1. Configurando Time Capsule e iTunes | bernabauer.com

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: