TomTom GO 720: Avaliação final




Chegou ao fim o periodo de duas semanas pelas quais eu tive o prazer de avaliar o TomTom 720. Foi o primeiro aparelho que eu solicitei para fazer uma avaliação e me dá dó ter que devolvê-lo. Foram poucas as coisas que eu não gostei nele, e todas são relacionados a tropicalização ainda em andamento. Sinal que os problemas são passageiros e certamente estão no radar da TomTom.

Vamos a listinha das coisas que eu não gostei:

Navegação dos menus: É um saco. Só a página de configuração tem 8 páginas e só é possível navegar em um sentido. Se sair do menu, você precisa navegar tudo novamente. Cada página tem apenas 5 opções. É chato passar direto pela página onde está a opção que você quer e ter que dar a volta toda para finalmente escolher a opção que você deseja.

Números de telefone cadastrados não estão em formato nacional! A TomTom precisa alterar o software do equipamento para levar em consideração a utilização de uma operadora de longa distancia. Porém a idéia é 10! Quando isto for acertado, vai ser o máximo.

Agora as coisas que coisas que gostei:

Vozes: A melhor voz é da feminina Brasileira. Masculino Brasileiro parece locutor de rádio
Decepção foi a voz de Austin Powers que parece mal cortadada para guia o motorista. Esta última eu baixei do MapShare.

Mapas sem erros: o primeiro GPS que testei da HP tentou me matar duas vezes. Este não tentou. Nem me colocou em “furadas”.

Qualidade do SOM: É ótimo, tanto nos graves quanto nos agudos, mas claro não substitui o som do carro.

E por fim, mais uma lista. As coisas que eu A-DO-REI:

Sensor crepuscular. Simplesmente fantástico. Se você entrar num túnel o GPS diminui sua luminosidade e continua a alteração até entrar em modo noturno, se sair, aumenta o brilho e por fim volta ao modo diurno. Achei que ele fazia isto através de controle do relógio, mas nada! Ele tem o sensor que detecta se está claro, muito claro ou escuro.

Viva voz via bluetooth. Funciona bem pacas e não é apenas isto. Além do GPS poder fazer o papel de viva voz, o som dos comandos do GPS podem ser transmitidos para seu fone bluetooth. Se você já tem um, pode ser bem legal receber os comandos direto no ouvido. Se você tem o fone e já usa ele ligado ao telefone, é bom conferir se ele permite se conectar a mais de uma equipamento por vez.

Nível de personalização. É de assombrar como você pode personzaliar o GPS. Dá para trocar as cores dos mapas, as vozes, gravar suas própria voz e ainda avisos que podem ser usados para avisar quando próximo de um ponto de interesse

Aviso de próximidade de Pontos de Interesse. Esta é a função que eu mais gostei. Poder ser avisado que se está chegando próximo a um pardal é divino.

A única coisa que eu não encaixo em nenhuma das listas acima é o preço. Apesar de a quantidade de funções justificar o preço alto, eu acho que é um valor absurdo para se gastar em um GPS. O que acaba sendo interessante para explorar os seus irmãos mais baratos. Pra quem quer um ótimo GPS, a busca deve começar e terminar na linha de produtos da TomTom. O resto é resto.





Próximo Artigo

Leia Também


Deixe um comentário

3 Comentários

  1. Benjamim

     /  10/01/2009

    “Aviso de próximidade de Pontos de Interesse. Esta é a função que eu mais gostei. Poder ser avisado que se está chegando próximo a um pardal é divino.”
    Onde posso achar isto no menu de Pontos de Interesse não a palavra radares ou pardais nos pontos de interesse.?

    Responder
  2. Ederaldo

     /  17/09/2013

    O meu Tom Tom 720 travou quando estava fazendo as atualizações e não consigo destravar, como faço? E não consigo colocar as músicas que coloquei nele pra tocar, qual procedimento? Os mapas brasileiros, são todos pagos? Não tem nenhum site que baixo de graça?

    Responder
  3. Ederaldo

     /  17/09/2013

    E como coloco vídeos pra assistir?

    Responder

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: