Treo 800: O Horror na terra




Beto publicou em seu blog Feira Moderna uma foto do que pode ser o Treo 800p. Aí ao lado está a imagem do que pode ser o Treo 800w.

Eu não gostei nem um pouco desta nova versão. O tecladinho é reto e não mais curvado como na versão da série 700 ou no 680. A Palm sempre foi minha queridinha por ter sido a primeira a fazer computadores de mão. Meu Palm V foi um dos meus melhores gadgets. Paguei 600 dolares nele. Lembro vivamente. Utilizei-o até o meu pai ficar de olho comprido e querer comprar um. No final das contas, acabei dando o meu para ele.

Acho que a Palm se perdeu após ficar focada apenas em hardware. Suas soluções para computadores de mão parecem estranhas e a limitação do Windows Mobile 5 foi um passo para trás. O Treo 800 deveria trazer de volta todas as coisas boas da Palm, mas acho que este não será o caso. Na imagem dá para notar que a tela do Palm deixou de ser aquela coisa quadrada e passou a ser menos alta do que larga, sinal que a resolução pode ser aquela velha conhecida de outros computadores de mão (240×320).

Suas características técnicas parecem contemplar Wifi, GPS, Camera de 1.3MP, EVDO, memória de 256 MB ROM e 128MB de RAM, EVDO e Windows Mobile 6. Descobriremos em setembro.

Veja mais aqui.

Ah sim, Beto: A vontade é de dizer que o treo 800 vai para a vala, mas morrer de véspera não adianta. Quando ele for lançado eu respondo. 😉




Leia Também


Deixe um comentário

4 Comentários

  1. Pois é Berna, é uma pena. Queria muito ver a Palm dando a volta por cima e lançando um produto “killer” como o Pilot, o V ou o Treo 650. A busca continua, né? Grande abraço!

    Responder
  2. Eu acho que a busca vai terminar no S710. À menos é claro se eu achar um smartphone no formato candybar com teclado qwerty, WM6, WIFI, Camera >= 2MP e processador melhor que o do S710. hum… how about that. I think i just made up my mind! :mrgreen:

    Responder
  1. Palm-BR / PalmBR » Blog Archive » Rumor: Palm Treo 800 ainda em 2007?
  2. Palm Centro por bernabauer.com

Deixe uma resposta para Beto Largman Cancelar resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: